Panamá

CLIMA: tropical. faz bastante calor, há muita umidade e áreas selváticas. tem costa atlântica e pacífica.
MOEDA: balboa (que é o dólar americano com o nome de lá) (Ver Cotação)
IDIOMA: Oficialmente, espanhol, mas muitos se comunicam em inglês devido ao grande número de imigrantes advindos de diversos países. também há o emberá e o kuna, dos povos originários.
ALTITUDE: nível do mar, na maior parte. tem áreas montanhosas que podem chegar a XX metros de altitude.
RISCOS NATURAIS: Tremores de terra, chuvas severas, deslizamentos e vulcões
DICAS BÁSICAS: a capital tem metrô e metrobus (sendo o segundo com mais linhas) e o bilhete custa U$0,25. Mas atenção: é preciso ter o cartão eletrônico, que custa dois dólares, e aí você pode trocar de transporte em até 40 minutos sem pagar a nova passagem; se você não comprar cartão, a opção é o ônibus popular “diablo rojo”, que custa U$0,50 e é um verdadeiro passeio cultural (apesar de se chamar ‘diabo vermelho’, a maioria é verde por fora, super decorado por dentro e com músicas típicas, parece um carnaval); o panamá tem muitos estrangeiros vivendo lá, e seus cartões postais são lindos – praias e cavernas paradisíacas no atlântico e no pacífico – , mas o progresso não chegou para todos, se vê muita desigualdade de um canto para outro; dá para encontrar almoços a partir de 3 dólares, se você buscar com jeitinho. O subway baratíssimo custa 2 dólares; talvez pelo excesso de turistas, os panamenhos da capital não são tão simpáticos para te ajudar se você se perder, então pesquisa tudo antes no google maps 🙂 ; use roupas frescas. pois faz muito calor; leve também sombrinha/guarda-chuva pois você pode se surpreender; mulheres, uma dose extra de paciência pros ‘psius’, quer dizer ‘chichichichi’ que vão te dar; se precisar de vacina, por cinco dólares, você recebe o cartão de vacinas internacional e a de febre amarela, na cidade ao norte da cidade do panamá; muita gente vai de compras ao panamá, pela ausência de impostos; tem linha de ônibus do aeroporto tulcán (o principal) para a cidade, custa apenas U$1,50 contra os U$25 do táxi; táxis dentro da cidade devem ser negociados, e começam com 2 dólares.

Instituição atua em comunidades indígenas há 25 anos e mantém o foco em nutrição infantil. Entre as muitas atividades desempenhadas, a mais importante é de capacitação dos pais e mães de famílias para gerar renda dentro da própria comunidade e se tornarem auto-sustentáveis.

Para isso é fornecido um suporte com refeições diárias para as crianças que frequentam a escola. As mães são envolvidas cozinhando e os pais plantando e/ou cuidados dos frangos doados pela instituição.

Custos 

A instituição não cobra pela participação e mantém um alojamento para receber os voluntários. Entretanto é preciso arcar com a alimentação e ter vacinas em dias para Febre Amarela e Tétano. A sede fica em uma região de preservação ambiental e transporte de ida e volta é feito pela própria instituição. É recomendável um pequeno nível de espanhol e profissionais na áera de enfermagem, nutrição, odontologia, medicina, agronomia ou produção de vídeo. Porém, outras profissões são bem-vindas avaliando as atividades que podem ser desempenhadas.

Mais Informações⇒botao_site_Mapa_do_Bem-07

 

o nosso voluntariado

CardTecho-01        CardNinosDeDarien-01

Español                                                                       Español

 

Anúncios